Bio.
Andy Sheppard QuartetDia 05, 21h30

Andy Sheppart . saxofones
Michel Benita . contrabaixo
Sebastian Rochford . bateria
Marco Tindiglia . guitarra

O líder da banda e compositor, Andy Sheppard, é um dos principais saxofonistas da Europa e um dos poucos músicos britânicos com um impacto significativo na cena internacional de jazz. Nasceu na Inglaterra em 1957, mas só começou a tocar saxofone aos 19 anos, altamente motivado pela música de John Coltrane, e, três semanas depois de ter o seu primeiro instrumento, foi tocar em público com o quarteto de Bristol Sphere.

Após um período em Paris onde trabalhou com grupos incluindo a banda de arte performática Urban Sax, voltou ao Reino Unido em meados dos anos 80 gravando o álbum “Andy Sheppard”, com Steve Swallow como produtor. O álbum foi bem recebido e levou Sheppard a receber o prémio de Melhor Rising Star nos British Jazz Awards de 1987, seguido do prémio de Melhor Instrumentista em 1988. Em 1987 tocou e fez digressões com a orquestra de George Russell. Em 1989 o seu segundo disco Introductions in the Dark foi um enorme sucesso e permitiu-lhe ser galardoado com os prémios de Melhor Álbum e Melhor Instrumentista nos British Jazz Awards de 1989. No ano seguinte Sheppard formou sua primeira big band, a Soft on the Inside Band a qual gravou um álbum com o mesmo nome. A seguir formou a banda In Co-Motion com a qual também gravou um álbum com o mesmo nome.

A participação de Sheppard no quarteto Lost Chords de Carla Bley (com Swallow e Billy Drummond) resultou no álbum homónimo em 2004. Em 2005 ele e a pianista Rita Marcotulli gravaram On the Edge of a Perfect Moment para a editora Incipit, seguido em 2007 por The Lost Chords Find Paolo Fresu.

O seu primeiro disco para a editora ECM foi Movements in Color, de 2009, com um quinteto electro/acústico com dois guitarristas. Seguiu-se, três anos depois, Trio Libero, com o saxofonista na companhia do contrabaixista Michel Benita e do baterista Sebastian Rochford. Sheppard, em seguida, juntou-se a Carla Bley e Steve Swallow para o álbum de 2013, Trios, seguido em 2015 pelo seu próprio álbum em quarteto, Surrounded by Sea, que contou com Benita, Rochford e guitarrista Eivind Aarset. Em 2016, juntou-se mais uma vez aos colaboradores de longa data Bley e Swallow para o cd Andando el Tiempo. Já em 2018 voltou com o quarteto no álbum Romaria, também lançado pela ECM.

Sheppard tem sido convidado para compor para grandes e pequenos conjuntos ingleses, noruegueses, franceses, etc., nas áreas do jazz e da música clássica contemporânea.

Fontes: www.andysheppard.co.uk; en.wikipedia.org/wiki/Andy_Sheppard; www.allmusic.com/artist/andy-sheppard-mn0000232655/biography